AGREGADO FICA EM 1 A 1 E MENGO VENCE NOS PÊNALTIS!

Jogando em casa o Supremo fez sua parte e venceu o Mengo pelo placar mínimo. Como no jogo anterior o Mengo também havia vencido por 1 a 0 o jogo foi para os pênaltis.

Vamos ao jogo. O Supremo precisava do resultado, mas quem surpreendeu foi o Mengo, Vinicius Junior lançou por cima para Balotelli, que sozinho chutou em cima do goleiro. O Supremo tinha a iniciativa do jogo, e o Mengo partia para o contra ataque. Assim quase que Promes abriu o placar, recebeu de Balotelli e chutou forte cruzado, para fora. A primeira chance real do Supremo só foi acontecer aos 30 minutos com jogada individual de Vardy, chutando forte para fora. O Mengo perdeu em seguida um gol incrível com Vinicius Junior. O brasileiro recebeu no meio campo, girou e tirou a zaga do Supremo, partiu em alta velocidade e saiu na cara de
Szczęsny, tocou por cima e perdeu o gol. Antes de acabar primeiro tempo Balotelli perdeu mais uma chance. Chutou cruzado longe do gol.

Veio o segundo tempo, o Supremo fechou mais o time para evitar os contra ataques. A mexida deu certo e logo no início após toque de passes entre Reus e Vardy, Reus cruzou para a cabeçada certeira de Lukaku. O Mengo se defendeu até o final do jogo e não teve mais nenhuma chance. O Supremo sufocou e não marcou o outro gol. Assim o jogo foi para os penaltis:

No time do Supremo, Reus, Lukaku e Vardy perderam, somente Di Maria marcou.

No time do Mengo todos fizeram. Balotelli, Banega e Çalhonoglu.

Assim o Mengo passou e eliminou o Supremo.